Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Summer Diary

you did not wake up today to be mediocre

Summer Diary

you did not wake up today to be mediocre

Como devo estudar Matemática?

Estudo

 

Tem sido uma das questões que mais tenho recebido. Para muitos, a matemática é uma valente dor de cabeça. Eu acredito que, muitas vezes, o problema consiste em não saber estudar matemática de forma a obter bons resultados.

Quero lembrar que todos estudam de maneira diferente e o que resulta para ti, pode não resultar para o teu colega. Não há, igualmente, a maneira correta e exata de estudar matemática. O que posso garantir é que é uma disciplina que requer tempo, paciência e exige muita concentração. 

Mesmo que não tenhas esta disciplina, não descures este post. Partilha com alguém que precise.

Desta maneira, partilho 8 dicas e técnicas para te ajudar da melhor forma!

 

 

Are you ready? 📚

  

 

1. Resolve o máximo de exercícios.

Não é possível estudar matemática apenas lendo e ouvindo o professor. Precisas de arregaçar as mangas, sentar na tua secretária e resolver problemas. Praticar, praticar e praticar. Quanto mais, melhor. Cada exercício tem as suas próprias características e, por isso, é importante resolvê-lo de várias maneiras. Antes de ires para exame/teste terás de ter exercitado muito, sem querer assustar, mas muito. Se o manual escolar não chegar, podes arranjar outro livro para praticar ou até mesmo ver exercícios na Internet.

 

 

 

2. Resolve os exemplos.

Um dos erros mais cometidos é ignorar os exemplos e começar logo a resolver os exercícios. Não, não, não. Tenta resolver o exemplo com calma, se não estiveres a conseguir aí sim, vê a solução e tenta com um exercício semelhante.

 

Pink Study

 

 

3. Revê erros.

Ao resolver os exercícios, é importante trabalhar no processo até chegar à solução. Podes errar na resposta, porém, e de seguida, deves rever toda a operação e entender o que está mal, ou a forma como abordaste a questão. Aprende com os teus erros.

 

 

4. Compreende as tuas dúvidas.

Às vezes, ficamos presos num exercício e queremos passar para o seguinte. Evita fazer isso. Entende o motivo de não perceberes o processo de solução. Não acumules as dificuldades e fala diretamente com o professor para que te possa dar um feedback das tuas falhas. Faz as perguntas certas.

 

 

5. Domina os principais conceitos.

Não memorizes as fórmulas e os conceitos. Apostar na compreensão do processo e toda a lógica associada, é mais compensatório e vai ajudar-te, no futuro, de como deves abordar o problema. A matemática é acumulativa, um projeto a longo-prazo e, por isso, os conceitos básicos que sustentam determinado tópico devem estar firmes para que possas trabalhar um módulo seguinte (mais complexo) baseado na compreensão de Key Concepts.

 

Book

 

 

6. Um dicionário de matemática?

Claro que sim! Uma terminologia específica requer sempre um dicionário. Podes fazê-lo num caderno à parte ou em cartões com todos os conceitos que precisas de saber. Para além das definições e conceitos deves incluir alguns exercícios resolvidos. E o melhor, é que podes tê-lo sempre à mão para consultar e recapitular.

 

 

7. Aplica a Matemática a problemas reais.

A matemática não tem que ser abstrata. Adaptar a matemática ao prático irá ajudar-te a aprender de maneira diferente como também a mudar a tua perspetiva.

 

Cards

 

 

8. O ambiente de estudo.

Uma área adequada e preferencialmente sem distrações pode ser fundamental para criar um bom hábito de estudo. Este será o sítio onde revês os apontamentos depois das aulas e resolves mais equações.

 

 

Ah, e não te esqueças que é igualmente importante ter confiança em ti mesmo!

Espero que tenham gostado das dicas, partilhem também as vossas 😉

Look do Dia: Working Days

 

 

 

um beijinho,

Anna. 

 

4 comentários

Comentar post